A Homeopatia trata doenças agudas?

O tratamento homeopático pode ser ministrado para todos os tipos de patologias, sejam agudas ou crônicas, bastando que o organismo do paciente possua uma força vital que responda ao tratamento.



Mesmo nos casos de indivíduos muito debilitados pela doença, a homeopatia pode dar um suporte no alívio das dores e outros sintomas, além de proporcionar maior serenidade e aceitação do paciente em relação à sua enfermidade...


A doença aguda, por definição, tem seu aparecimento rapidamente, os sintomas logo são evidentes, intensos e o tratamento deve promover a melhora da doença em poucas horas. Muitas pessoas pensam que o tratamento homeopático não é eficaz para patologias agudas e fogem deste tratamento nestes casos.



Esta visão não é correta, pois a Homeopatia pode tratar casos agudos e com uma resolução muitas vezes mais rápida do que com outros tratamentos. O momento da doença aguda é importante para o tratamento homeopático, pois o organismo expressa os sintomas de forma mais intensa e evidente, é mais fácil avaliar como está a febre, a coloração da pele, a transpiração, pode-se verificar lesões na pele e mucosas, as alterações de comportamento durante doença... Muitas vezes alguns sintomas pioram no começo do tratamento, como a febre que pode aumentar, podem ocorrer alguns sintomas digestivos, como vômitos ou diarréia, aumento da transpiração, piora do prurido e de algumas lesões, mas o paciente relata que se sente melhor, está mais disposto, com menos dor e a melhora ocorre aos poucos levando à cura da doença. A homeopatia pode também tratar doenças coletivas epidêmicas, que acometem muitas pessoas ao mesmo tempo, como a Tifo, a Leptospirose, Dengue, tratando os casos agudos e também usando medicamentos próprios para o surto epidêmico visando a prevenção da patologia na população. A Homeopatia pode tratar ou auxiliar no tratamento de diferentes tipos de traumas: casos de queimaduras, entorses, intoxicação alimentar, diferentes tipos de alergias, certos tipos de envenenamentos e sangramentos. É importante que seu médico faça a avaliação adequada e oriente o tratamento correto para o seu problema, associando outros tipos de procedimentos sempre que necessário.


Dra Denise Missio Marcon - CRM/RS 16.710

Otorrinolaringologista e Homeopata

Contato: denise.missio.marcon@gmail.com

Posts Em Destaque