A ligação entre o vírus herpes simplex (HSE) e o risco de desenvolver Alzheimer

A doença de Alzheimer é a patologia neurodegenerativa mais frequente associada à idade, cujas manifestações cognitivas e neuropsiquiátricas resultam em uma deficiência progressiva e uma eventual incapacitação.

Em geral, o primeiro aspecto clínico é a deficiência da memória recente, enquanto as lembranças remotas são preservadas até certo estágio da doença. Além das dificuldades de atenção e fluência verbal, outras funções cognitivas deterioram à medida que a patologia evolui entre elas a capacidade de fazer cálculos, as habilidades visuais e espaciais e a capacidade de usar objetos comuns e ferramentas.

O grau de vigília e a lucidez do paciente não são afetados até a doença estar muito avançada. A fraqueza motora também não é observada, embora as contraturas musculares sejam uma característica quase universal nos estágios avançados da patologia.

Esses sintomas são frequentemente acompanhados por distúrbios comportamentais, como agressividade, alucinações, hiperatividade, irritabilidade e depressão. Transtornos do humor afetam uma porcentagem considerável de indivíduos que desenvolvem doença de Alzheimer, em algum ponto da evolução da síndrome demencial.

Sintomas depressivos são observados em até 40-50% dos pacientes, enquanto transtornos depressivos acometem em torno de 10-20% dos casos. Outros sintomas, como a apatia, a lentificação (da marcha ou do discurso), a dificuldade de concentração, a perda de peso, a insônia e a agitação podem ocorrer como parte da síndrome demencial.

O pesquisador Hugo Lovheim observou em um estudo que “nossos resultados mostram claramente que existe uma ligação entre as infecções do vírus herpes simplex (HSE) e o risco de desenvolver a doença de Alzheimer”. O Dr. Lovheim é da Universidade de Umea, na Suécia. Um estudo envolveu cerca de 3.500 pessoas que foram acompanhadas por uma média de 11 anos; os pesquisadores descobriram que aqueles que tinham certos anticorpos contra uma infecção por herpes dobraram o risco de desenvolver a doença de Alzheimer.

Dr. Lovheim continuou, escrevendo“ Eu acho que o vírus da herpes causa uma proporção significativa de todos os casos de DA 40 a 50% - de acordo com nossos dados.

O vírus do herpes oral infecta um tipo de célula chamada célula epitelial, que é encontrada na boca. Quando uma pessoa é infectada, o vírus se replica e usa os nervos para viajar até o cérebro. Uma vez no cérebro, o vírus estabelece uma infecção latente. De tempos em tempos, o vírus viaja de volta ao local original da infecção, se replica e causa as lesões clínicas bem conhecidas (isto é, herpes labial e bolhas).

No cérebro, “pode causar distúrbios neurológicos agudos como encefalite [encefalite por herpes simples (HSE)] ou uma infecção leve, clinicamente assintomática, ou estabelecer infecção latente ao longo da vida. O enfraquecimento do sistema imunológico, que ocorre com o envelhecimento, permite que o vírus escape do controle do sistema imunológico.

​​

Além disso, “vários estudos foram realizados para avaliar a presença de HSV-1 no cérebro de pacientes com de Alzheimer (DA). Outros estudos demonstraram que o HSE afetou as mesmas áreas cerebrais envolvidas na DA em humanos, bem como em modelos experimentais de roedores, (e outros estudos) relataram que uma alta proporção (cerca de 60%) de cérebros de pessoas idosas continha DNA latente do HSV-1, especialmente nas regiões do SNC criticamente envolvidas na DA.

Em outras palavras, o vírus é repetidamente encontrado nos cérebros daqueles que desenvolvem a doença de Alzheimer e em regiões tipicamente afetadas pela doença.

Sereniki, A,. Vital, M, . A doença de Alzheimer: aspectos fisiopatológicos farmacológicos. Rev Psiquiatr Rio Gd Sul, 2008 - uesb.br.

Pedersen. Vírus do T. Herpes Simplex pode aumentar o risco de Alzheimer. PsychCentral.com. Publicado em 20 de novembro de 2014. http://psychcentral.com/news/2014/11/20/herpes-simplex-virus-may-up-risk-of-alzheimers/77541.html

Rivas, A. "Risco de Alzheimer duplicou em pessoas com o vírus da herpes; Como o vírus estimula o desenvolvimento de Alzheimer" Publicado em 26 de outubro de 2014. – Medical Daily. http://www.medicaldaily.com/alzheimers-risk- o vírus do herpes-vírus do vírus do herpes-estimula-dobrado-double-people-307995

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
EMPRESA ASSOCIADA
REDES SOCIAIS
  • Facebook - White Circle
  • Instagram-icone
  • Twitter - White Circle

Farmácia Quíron Manipulação e Homeopatia  |  CNPJ: 01307152/0001-02

Farmacêutico Responsável Fabiano Suzin Lima CRF/RS 6796

Desenvolvido por agênciaMD